A Casa Modernista Caipira foi projetadas pelo Estúdio MK27, pelos arquitetos Márcio Kogan e Lair Reis, para a Fazenda Catuçaba.

 Ela estabelece uma forte relação com a natureza local, seus ventos, chuvas e o sol que é abundante durante a maior parte do tempo. Estes  são os elementos que permitem a autonomia da casa na geração de energia, tornando a casa autossustentável. Aliada a um design que aumente a eficiência do consumo, essa autonomia configura a principal premissa da concepção.

 A integração da casa no contexto natural, o conforto do usuário e a simplicidade aliada à beleza e ao contato com a natureza, são os principais objetivos do projeto.